Livros

Resenha – A lingagem Cinematográfica

Estamos aqui mais uma vez para resenhar um livro de conteúdo técnico. Desta vez trago até vocês o meu B+A=BA dos estudos do cinema: A Linguagem Cinematográfica de Marcel Martin. Um livro bastante didático para estudantes ou entusiastas do cinema e da fotografia. Sim, isso mesmo, porque o cinema surgiu graças à fotografia e por isso possuem os mesmos princípios básicos. Portanto, se você ama fotografia ou cinema, este é um livro que você deve ter em sua estante.

Quando o li em 2013, para a primeira versão do meu TCC, eu não imaginaria que esta publicação me seria de grande valia até hoje. Como vocês já devem saber, continuo estudando fotografia, e como já mencionei anteriormente, os conceitos básicos de foto e video são os mesmos. Por isso resolvi manter este livro em minha coleção, porque quando tenho alguma duvida sobre algum conceito, é só buscar as referencias nele.

A Linguagem cinematográfica é daqueles tipo de livros que explicam todos os fundamentos básicos, técnicas e “regras” da imagem de uma forma que é muito indicada para pessoas que estão começando a se familiarizar com o cinema e fotografia. Mas não vá esperando uma apostila de como gravar bons filmes ou fazer uma edição estilo Hollywood, porque este não é o foco do livro, porque apesar de ter notas de rodapé, que ajudam muito a contextualizar ainda mais o leitor, a publicação é um manual completo, porém bastante resumido.

Além dos aspectos técnicos do cinema, Marcel também faz um breve apanhado da história do cinema, desde o surgimento do primeiro curta exibido pelos irmãos Lumier até o cinema moderno. O que na minha opinião enriquece muito esta obra, já que alem de aprendermos a parte técnica, também devemos conhecer a história por trás desta arte, até mesmo para nos ajudar a entender os conceitos, como e onde os diretores buscaram suas referências.

Acredito que este também seja um livro para quem deseja se especializar em crítica de cinema., já que para tal o profissional precisa ter uma bagagem de conhecimentos sobre os aspectos teóricos e práticos, para que assim possa exercer da forma mais completa e profissional possível sua função. Agora, para os cinéfilos de plantão, eu nem preciso dizer que recomendo esta excelente obra por motivos óbvios.

Se você já leu ou está lendo A Linguagem Cinematográfica, me conte aqui o que está achando!

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *