Profissão produtora de moda
Lifestyle

Profissão produtora de moda com Dani Rodrigues

Lembram que fiz um primeiro post explicando resumidamente como é a rotina na profissão produtora de moda? Hoje teremos aqui a voz da experiência de uma genuína produtora de moda, blogueira e colunista.

Ser produtor de moda é muito mais do que vestir modelos e organizar araras. Talvez os filmes sobre o assunto não ajudam muito a dar a real dimensão do que é essa profissão. Ser produtor de moda é fazer um intenso e exaustivo trabalho de pesquisa de tendências. Mas também implica ter muitos contatos para poder criar o seu portfólio.

Profissão produtora de moda com Dani Rodrigues

Pensando nisso, resolvi trazer para o blog um post diferente com uma entrevista sobre a profissão produtora de moda com Dani Rodrigues.

A paulistana Dani Rodrigues tem 32 anos, é advogada por formação e  atualmente sua profissão produtora de moda surgiu como uma vocação. Contudo, até 2008 ela advogava, mas resolveu largar a profissão para se dedicar ao que realmente ao que amava, a moda. Ela ainda conta o que a motivou mudar radicalmente de profissão.

Apaixonada por moda e curiosa desde pequena, eu resolvi ser feliz e fazer o que eu realmente amava, que era escrever e pesquisar sobre todos os assuntos relacionados à moda e fotografia.

Dani Rodrigues

Atualmente ela reside em Miami e estuda Design de moda na Art Institute – Miami International University of Art & Design e alimenta seu blog Miscelanium Fashion, no qual ela usa como portifólio de seus trabalhos.

Além disso a moça ainda escreve colunas para periódicos do nicho. É também free lancer para produção de conteúdo de websites de moda, ou seja, ela entende do assunto! Para entrar em contato com a Dani basta segui-la nas redes sociais ou acessando seu blog!

Sobre Dani Rodrigues

Twitter: @mdani_r
Tumblr: http://danirodrigues.tumblr.com/
Flickr: Imagens | Divulgação |

Se você gostou de conhecer um pouco mais sobre o universo dos produtores de moda e quer saber um pouco mais como funciona a indústria de uma forma bem realista, recomendo um pouco de pesquisa do mercado. Mas, acima de tudo, se esta é uma área que queira trabalhar, então vá fundo.

Por isso, recomendo que você estude e busque referências sobre a área, converse com quem já trabalha e quem sabe, faça uma imersão para saber se é isso mesmo que deseja.

Contudo, nunca se esqueça de que o mais importante do que encontrar o trabalho perfeito é saber que está fazendo aquilo que ama!

Carla Corrêa

Jornalista, mineira de Belo Horizonte, 33 anos e apaixonada por cravo, canela, café e chocolate. A mistura perfeita para uma vida perfeita e feliz. Nascida na era da internet, blogo desde 2008.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *